Licenciatura em Línguas Modernas

Objetivos do Curso

A licenciatura pretende dotar o/as estudantes de uma formação capaz de responder às necessidades de uma sociedade do conhecimento, desenvolvendo a proficiência e o conhecimento em línguas estrangeiras e suas culturas, aqui consideradas como decisivos meios de produção de conhecimento e capital económico e simbólico. Propõe-se uma formação de banda larga que corresponda às exigências de comunicação e mobilidade profissional em contextos interculturais, indispensável no atual panorama nacional, europeu e mundial. O domínio das línguas estrangeiras exigido ultrapassará as competências previstas no Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas, através da formação nas áreas da cultura, da linguística e das literaturas.

Condições de Acesso e Ingresso

Uma das seguintes provas: Inglês (13) ou Português (18). Classificações Mínimas Nota de Candidatura: 95 pontos. Provas de Ingresso: 95 pontos. Fórmula de Cálculo: Média do secundário: 50%; Provas de ingresso: 50%.

Saídas Profissionais

Formação Inicial para Professor/a de Português e Língua Estrangeira (Alemão, Espanhol, Inglês ou Francês – Ensino Básico e Secundário), Professor/a de Inglês – Ensino Básico e Secundário, Docente (Ensino Superior). Investigador/a, Tradutor/a, Revisor/a e Coordenador/a de Edição / Publicação de textos, Técnico/a Superior da Administração Pública, Quadro Superior da Administração Pública, Profissional de Relações Públicas. Outras áreas de atividade profissional, artística e cultural que envolvam profissionais de línguas e o domínio excelente de línguas e culturas modernas, estrangeiras ou materna.

Comments are closed.